sexta-feira, 1 de junho de 2018

Nao entendo

As vezes tento me entender, o que é muito complicado porque não consigo saber o que realmente sinto. Tem dias que meu coração se rasga de alegria e outros que ele está em pedaços de tristeza. Quando estou sorrindo e cantando é quando mais preciso de atenção, quieto é porque minha alma está em paz. As vezes me desespero em silêncio, Grito sem emitir um som. Olho para dentro de mim e não encontro a razão. Não tenho paz em dias de calmaria. Queria estar ocupado o tempo todo pra não ficar  sozinho com meus pensamentos.  Gosto da escuridão e do silêncio do quarto, quando minha mente está muda.  Por falar em mudanças, quantas mudanças tenho tido . Minha aparência meu rosto meu humor minhas responsabilidades. Hoje já assumo o que é meu, as vezes parece que é demais. Por isso tenho escolhido o silêncio ao aconselhamento. Mais o amor ainda mora aqui. Mesmo que escolha não falar as vezes !   
Postar um comentário